11 de maio de 2015

Humilhado em Sua presença

“Mas será possível que Deus habite na Terra? Os céus, mesmo os mais altos céus, não podem conter-Te. Muito menos este tempo que construí!” (I Reis 8:27).
O magnífico templo estava terminado. A mobília e os acessórios tinham sido instalados. A arca do Senhor encontrava-se no Lugar Santíssimo. Então, antes da celebração do corte da fita, a presença de Deus na forma de uma nuvem escura encheu o templo. A enorme multidão deve ter-se enchido de temor.
Salomão ergueu os braços para o céu, silenciando a assembleia, e orou. Depois de uma breve menção a seu pai, Davi, Salomão fez uma belíssima pergunta retórica: “Será possível que Deus habite na terra?”. Em outras palavras: “Como esse templo pode conter-Te?. Ele sabia que, apesar de seu esplendor, o templo não poderia conter Deus, já que nem mesmo os “mais altos céus” poderiam fazê-lo. Embora se tratasse de uma das mais esplêndidas estruturas que qualquer ser humano já criara para honrar a Deus, o verdadeiro esplendor do templo não estava na habilidade dos construtores, mas na presença divina.
Um meio de saber se você está na presença de Deus é o sentimento de humildade que o toma quando se aproxima dEle em oração. Não se pode sentir vaidade e estar cheio do Espírito ao mesmo tempo. Você será sempre humilhado ao compreender que esse Deus digno de reverência está disposto a viver em seu interior por meio do Espírito Santo.
Ore comigo: “Querido Senhor, agradeço por Tua presença em minha vida. Sou grato e sinto-me humilhado por viveres dentro de mim, por meio do Teu Espírito Santo. Ajuda-me a nunca encher-me de mim mesmo, mas, em vez disso, a sempre ser mais cheio de Ti. Ajuda-me a perceber a Tua presença, especialmente quando leio a Tua Palavra, quando oro e vivo de modo obediente nos Teus caminhos. Em nome de Jesus, amém!”

Stormie Omartian

Nenhum comentário:

Postar um comentário