8 de maio de 2015

Quatro motivos científicos para dormir cedo



Um "santo remédio
Menos preocupação no dia seguinte - Estudo mostrou que quanto mais se demora para ir deitar, mais pensamentos negativos repetitivos surgirão. Ir dormir mais cedo seria uma forma de evitar o aumento dessas sensações que geram ansiedade no dia seguinte. A pesquisa mostrou que quem dorme cedo lida melhor com suas emoções.

Mais produtividade no trabalho - Dormir mais cedo permite maior tempo de sono, o que é fundamental para melhorar a cognição na hora do trabalho. Uma diminuição do tempo na cama influi diretamente na produtividade no trabalho. Pesquisa recente demonstrou que quem dorme mais cedo melhora seu trabalho em até 30%.
Ajuda a manter um peso saudável - Um estudo publicado no ano passado mostrou que quem dorme mais tarde geralmente está acima do peso. O motivo seria que, quando se está privado de sono, o corpo possui menos energia para fazer escolhas saudáveis como uma boa alimentação e exercícios físicos regulares.

Menos riscos de doença no inverno - Um sono regular promove melhorias no corpo e o mantém saudável. Com um sistema imunológico forte, as chances de se pegar um resfriado ou uma gripe no inverno, por exemplo, se tornam menores. E mesmo doente, pessoas com sono regular conseguem se recuperar mais rapidamente.


Nota: As pesquisas são novas, mas o conselho é antigo. Há mais de cem anos, Ellen White já recomendava em seus livros uma boa noite de sono (cerca de oito horas) como um “santo remédio”. É durante as horas de sono que vários reparos são feitos no organismo, especialmente no que diz respeito às funções cerebrais e aos hormônios. [MB]

Via: Criacionismo

Nenhum comentário:

Postar um comentário