Visto e Ouvido

E nós temos visto e testemunhamos que o Pai enviou o Seu Filho como Salvador do mundo. I João 4:14.
Como testemunha de Cristo, João não se empenhou em controvérsia ou em fastidiosos debates. Declarou o que sabia, o que tinha visto e ouvido. Havia estado intimamente relacionado com Cristo, tinha-Lhe ouvido os ensinos, testemunhado Seus poderosos milagres. Poucos puderam, como João, ver as belezas do caráter de Cristo. Para ele as trevas tinham passado; brilhava a verdadeira luz. Seu testemunho com respeito à vida e morte do Salvador era claro e penetrante. Da abundância que havia no coração brotava o amor pelo Salvador enquanto ele falava; e poder algum lhe podia impedir as palavras. Atos dos Apóstolos, pág. 555.
Ele podia testificar: "O que era desde o princípio, o que temos ouvido, o que temos visto com os nossos próprios olhos, o que contemplamos, e as nossas mãos apalparam, com respeito ao Verbo da vida (e a Vida se manifestou, e nós a temos visto, e dela damos testemunho, e vo-la anunciamos, a vida eterna, a qual estava com o Pai e nos foi manifestada), o que temos visto e ouvido anunciamos também a vós outros, para que vós, igualmente, mantenhais comunhão conosco. Ora, a nossa comunhão é com o Pai e com Seu Filho, Jesus Cristo." I João 1:1-3.
Assim pode cada um, por sua própria experiência, certificar-se de que "Deus é verdadeiro". João 3:33. Pode dar testemunho daquilo que ele próprio tem visto, ouvido e sentido do poder de Cristo. Tem condições para atestar: "Eu necessitei de auxílio, e encontrei-o em Jesus. Toda necessidade foi suprida; a fome de minha alma foi satisfeita; a Bíblia é para mim a revelação de Cristo. Creio em Jesus, porque Ele é para mim o divino Salvador. Creio na Bíblia, porque descobri ser ela a voz de Deus à minha alma." Testimonies, vol. 8, pág. 321.
Como conheceremos por nós mesmos a bondade de Deus e Seu amor? O salmista não nos diz: Ouvi, e conhecei, lede e sabei, ou crede e sabei. O que ele nos diz é: "Provai e vede que o Senhor é bom." Sal. 34:8. Em vez de confiar na palavra de outrem, provai-O por vós mesmos. Experiência é conhecimento derivado do experimento. Experimentar a religião é o que é necessário agora. "Provai e vede que o Senhor é bom." Testimonies, vol. 5, pág. 221.

Maravilhosa Graça.

Comentários