Por que adoramos a Deus?

“Cantem louvores ao Senhor, vocês, os Seus fiéis; louvem o Seu santo nome” (Salmo 40:4).
Adoramos a Deus porque precisamos.
Qual é a principal razão para aplaudir a Deus? Ele merece. Se cantar não causasse nada além de esgotamento na voz, se contribuir apenas esvaziasse sua carteira, se a adoração não fizesse nada por você, ainda assim seria certo prestá-la. Deus justifica nossa adoração.
Ele mistura forças que lançam meteoros, fazem planetas orbitarem e acendem estrelas. Ordena baleias a fazer jorrar ar salgado, petúnias a perfumar a noite e pássaros canoros a encher de alegria a primavera. Acima da terra, flotilhas de nuvens criam formas e mais formas; dentro da terra, camadas de rochas murmurantes se movem e se viram.
E o que fizer da ternura? Deus nunca tirou os olhos de você. Nem por um milissegundo. Ele está sempre perto. Ele vive para ouvir a batida do seu coração. Ele ama ouvir suas orações. Ele morreria por seu pecado antes de deixar que você morresse em seu pecado, de modo que fez exatamente isso.
O que você faz com tal Salvador? Você não canta para Ele? Não o celebra em batismo, não O exalta na ceia do Senhor? Você não dobra o joelho, abaixa a cabeça, bate um prego, alimenta o pobre e entrega seu dom em adoração? É claro que sim.
Adore a Deus. Aplauda-O alto e constantemente. Para seu bem, você precisa disso.
E, para o bem do céu, Ele merece isso.
Ore comigo: “Deus Pai, Tu não apenas mereces ouvir nosso louvor, como nós precisamos entrega-lo a Ti.  Nós nos postamos diante de Ti maravilhados e em temor. Somos melhores por causa disso. Em nome de Jesus, amém!

Max Lucado

Comentários