25 de janeiro de 2016

Pra você Pensar - As lágrimas de Jesus

“Jesus chorou” (João 11:35)
Uma corajosa mãe nos contou da perda de seu filho de sete anos. Ela descreveu como seu filho amava a Jesus e sempre pensava primeiro nos outros. Nossa igreja havia orado pelo menino, que tinha uma doença misteriosa. Depois de vários exames do cérebro, os médicos diagnosticaram o problema como câncer no tronco cerebral. Quando sua mãe entrou para dar a notícia, tomou-o nos braços e lhe disse que os médicos haviam informado que ele teria pouco tempo de vida. O primeiro e incomum pensamento do menino foi consolar sua mãe, e ele disse: “Bem, mamãe, pelo menos tive sete bons anos.”
Mencionei ao avô do menino que não ousamos fazer a pergunta “Por quê?” “Não devemos fazer essa pergunta”, comentou ele, “porque não existe resposta.” Na realidade há uma resposta, sim, mas no complexo jogo e na contramarcha dos eventos humanos ainda não podemos discerni-la. Não saberemos a razão até que, do outro lado, nos sentemos aos pés de Jesus e Ele resolva o quebra-cabeça para nós.
Nesse meio tempo, encontramos conforto em saber que, quando Se pôs junto à sepultura de Seu amigo Lázaro, “Jesus chorou”. O versículo mais curto da Bíblia tem um enternecedor significado. Por que Jesus chorou? Foi porque Lázaro era um dos melhores amigos de Jesus? Porque Marta expressou confiança em Jesus ao dizer: “Senhor, se estivesses aqui meu irmão não teria morrido” (Jo 11:21, NVI)? Jesus chorou porque Marta disse: “Sei que, mesmo agora, Deus Te dará tudo o que pedires” (v. 22, NVI)? Ou foi porque Jesus viu Maria e outros chorando e “perturbou-Se”? Talvez Jesus tenha chorado por todas essas razões.
Talvez Jesus também tenha chorado por aquele menino de sete anos e sua mãe, e por todos nós que sofremos em várias ocasiões e por muitos motivos. As lágrimas de Jesus junto à sepultura de Lázaro são apenas um microcosmo da dor que Ele tem experimentado ao observar a sofredora raça humana. Assim, se você está passando agora por um momento difícil, lembre-se das lágrimas de Jesus. Ele suportou a cruz a fim de poder sentir empatia e compaixão por você. Você pode receber conforto e enfrentar a vida sabendo que Jesus está bem perto, ao seu lado.

Texto: DRG
Amilton Menezes

Nenhum comentário:

Postar um comentário