7 de janeiro de 2016

VOCÊ VAI VIVER

Ó Senhor, Deus dos exércitos, quem é poderoso como tu és, Senhor, com a tua fidelidade ao redor de ti? Sal 89:8

Para que serve o poder? Qual é o motivo que leva as pessoas a procurarem o poder? Por que existem pessoas que chegam até ao assassinato para conseguir o poder? Que fascínio tem?
No salmo de hoje, o salmista destaca dois aspectos do caráter de Deus: O seu poder e a sua fidelidade. A fidelidade de Deus é mencionada sete vezes ao longo deste salmo de cinqüenta e dois, versos. Fidelidade é uma das características do caráter de Deus.
Fidelidade, em hebraico emunah, tem que ver com o comprimento fiel das promessas divinas. Alguns eruditos traduzem  emunah como verdade. Em Deus não há mentira. Ele é fiel e verdadeiro. Você pode confiar. O que Deus disse se cumprirá. Sempre. Ontem, hoje e amanhã.
Para que serve o poder? Em Deus o poder serve para cumprir as suas promessas. Apesar de tudo e a despeito de tudo. No verso dois o salmista afirma: “A tua fidelidade tu a confirmarás nos céus.” De que forma? Observe a noite escura. Há trevas por todos os lados, há frio, há morte. Trevas são símbolos de ausência de vida, de perigo, de ameaça. Por isso a maioria das criaturas se recolhe a noite, esperando que o sol do novo dia, traga vida.
Observe mais uma vez o céu. O salmista diz que Deus confirmará sua fidelidade no céu. Então observe o céu. Quando a dor bate a porta do seu coração, quando as trevas das dificuldades parecem envolvê-lo completamente. Quando experimenta angústia e medo, observe o céu. Em meio a escuridão da noite continue observando.
De repente lá ao longe, onde o céu parece juntar-se com a terra, rompe o dia, nasce o sol e as trevas se desgarram. Existe um momento de luta. Dá a impressão de que as trevas não querem partir em retirada mas é inútil, o astro reaparece no seu esplendor, anunciando vitorioso que é hora de acordar, de levantar-se e tornar a viver.
Por isso hoje enxugue essa lágrima de dor e observe o céu. Nele está escrita a fidelidade das promessas divinas. Não saia de casa sem dizer: “Ó Senhor, Deus dos exércitos, quem é poderoso, como tu és Senhor , com a tua fidelidade ao redor de ti?”

Alejandro Bullón

Nenhum comentário:

Postar um comentário